Estados Unidos aprovam novo medicamento contra HIV

Droga foi aprovada para uso em adultos.

Um novo medicamento para o tratamento da infecção pelo vírus HIV, causador da Aids, foi aprovado dos Estados Unidos nesta segunda-feira (12), pela FDA (Food and Drug Administration), agência que controla a comercialização de alimentos e remédios nos EUA.

Produzido pela farmacêutica GlaxoSmithKline, o Tivicay apresentou, em combinação com outros medicamentos, uma eficácia maior do que a do Atripla, um dos mais utilizados atualmente no tratamento do HIV.

O Tivicay é um inibidor da enzima integrase, utilizada pelo HIV para infectar o organismo, e atua impedindo que o DNA do vírus penetre as T CD4, células do sistema de defesa do organismo, que são os principais alvos do HIV. "Esse medicamento pertence a uma classe já existente, dos inibidores da integrase, e veio juntar-se ao arsenal terapêutico contra o HIV", explica o infectologista do Hospital Emílio Ribas e do Hospital do Servidor Público Estadual, Caio Rosenthal.

O medicamento foi aprovado para uso em adultos, independentemente de já terem recebido outros tratamentos contra o HIV, e para adolescentes a partir de 12 anos, que pesem no mínimo 40 quilos e que não tenham utilizado um medicamento da mesma classe antes.